QUI 18 DE JANEIRO DE 2018 - 00:02hs.
Porto Alegre

Mais uma vez, realizam operação na Casa de Jogos Winfil

A operação da Polícia Civil ocorreu na casa de jogos Winfil, localizada no bairro Cavalhada. Além de 98 maquinas caça niqueis, documentos e dinheiro foram apreendidos pelos agentes. Ninguém foi preso. O Procon de Porto Alegre também participou da ação e notificou a casa de jogos, devido a irregularidades no alvará. Apesar disso, o estabelecimento não foi interditado. Em outubro, a casa já havia sofrido outro procedimento.

Conforme o delegado Roger Bittencourt, além dos equipamentos, documentos e dinheiro foram apreendidos pelos agentes da Polícia Civil. Ninguém foi preso. O Procon de Porto Alegre também participou da ação e notificou a casa de jogos, devido a irregularidades no alvará. Apesar disso, o estabelecimento não foi interditado.

Conforme a Polícia Civil, nem todas as máquinas da casa de jogos foram apreendidas pelos policiais porque algumas estavam desativadas.

O advogado da Winfil, Laerte Luís Gschwenter, informou que está em Brasília acompanhado a discussão sobre a liberação dos jogos de azar no país. Gschwenter destacou que está analisando a ação da polícia para avaliar qual será o posicionamento da defesa no caso, o que deve ocorrer nesta terça-feira (12).

Em outubro, MP e Polícia Civil fizeram operação na Winfil.

Fonte: GMB / GauchaZH