TER 25 DE JULHO DE 2017 - 05:40hs.
MAIS PERTO QUE NUNCA DA LEI

Casas de bingos esperam legalização no Brasil

As casas de bingo viveram seu auge na última década. Eram enormes empreendimentos em cidades como São Paulo que lembravam os grandes cassinos de Las Vegas. Milhares de empregos eram gerados, bairros degradados eram revitalizados. Mas, mesmo com toda a força, os Bingos acabaram proibidos no país.

Em seu artigo publicado no site Aposta Ganha Br, o jornalista Rodrigo Cesar fala do drama vivido pelos donos de casas de bingos após a proibição da atividade no final da década passada. Segundo ele, os empresários tomaram diferentes caminhos entre sair do país, abrir outros negócios ou simplesmente esperar o que agora esta perto de se tonar realidade, a legalização dos bingos.

A insana proibição veio com a promulgação da lei 9.981. Esta lei proibiu os bingos em todo território brasileiro e matou uma das indústrias nascentes mais promissoras da última década. Além de queda de arrecadação e milhares de desempregados isso causou um problema também aos donos daqueles enormes imóveis que serviam como casas de Bingo.

Os proprietários daquelas casas não tinham o que fazer com elas, por isso algumas das grandes casas de bingo que operavam na década passada continuam sendo mantidas operacionais em São Paulo. Algumas com custo mensal de mais de 50 mil reais.


PUBLICIDADE


Logo que a lei da proibição foi aprovada muitos dos donos dos bingos acabaram se livrando daqueles imóveis. Porém, alguns deles fizeram grandes investimentos para equipar as casas de bingo com cadeiras, mesas, painéis de jogo. Toda sorte de aparelhamento elétrico e eletrônico que custaram na casa de milhões de reais e iriam para o lixo.

Logo muitos dos donos das casas de bingo ainda mantém os imóveis sem uso. Somente há espera da decisão do congresso em legalizar os jogos no Brasil e assim permitir que eles voltem a funcionar.

Prejuízo e Espera

O presidente da associação brasileira de bingos Olavo Oliveira foi ouvido. Para ele muitos dos donos de bingo não esperavam que a proibição durasse mais de uma década. Eles acreditavam que logo ela cairia e os bingos iriam poder voltar a funcionar:

"Aqueles que pagavam aluguel logo partiram para outra, mas também há o caso daqueles que realizaram investimentos milionários nos locais de jogo. O desmonte de bingos, principalmente bingos temáticos, gera prejuízos. Quem paga àquelas cadeiras? O que você faz com todos os painéis? Desmonta e não monta mais. É muito eletrônico, muita fiação. Se tirar aquilo, tem que jogar no lixo. A reconstrução de um bingo desses custaria uns R$ 2 milhões”.

Vários daqueles enormes prédios que sediavam Bingos luxuosos em São Paulo acabaram virando outros negócios. O Bingo Bom Retiro virou uma escola de costura. O Bingo Tucuruvi virou um centro automotivo de assistência a veículos.

Mas outros permanecem inativos esperando uma revolução na legislação brasileira. Os Bingos Imperador e Imperatriz permanecem inativos a espera de uma mudança de panorama na lei.

Mas a espera pode estar perto do final. A legalização dos jogos no Brasil nunca esteve tão perto. A Câmara dos Deputados está muito perto de aprovar o projeto de lei 441/92 que prevê a legalização dos jogos em território nacional. Segundo esta lei somente o estado de São Paulo teria a permissão para abrigar 59 bingos.

Fonte: GMB/ Aposta Ganha Brasil - http://www.apostaganhabr.com