SÁB 18 DE NOVEMBRO DE 2017 - 07:56hs.
A lei não criminaliza a conduta

Mesmo sem liberação da Justiça, bingos seguem abertos em Porto Alegre

Desde o começo do ano, quatro operações da Polícia Civil fecharam bingos e casas de jogos em Porto Alegre. No entanto, todas foram reabertas e voltaram a funcionar um dia após a autuação. Segundo o Tribunal de Justiça, a lei não criminaliza a conduta, mas isto não significa que o funcionamento desse tipo de estabelecimento está autorizado.

Só neste ano, quatro operações da Polícia Civil fecharam bingos na Capital. Porém, todas foram reabertas um dia após serem autuadas.

Conforme a Polícia, mais de 100 casas de jogos de azar funcionam na Capital. Quando um bingo é autuado, os proprietários não podem ser presos – a lei exige que eles respondam a termos circunstanciados, como multas, por exemplo.

"Somente o Legislativo Federal poderia transformar o jogo de azar em crime, com pena de reclusão", explica o delegado Eduardo Carrion, responsável pelas operações contra bingos em Porto Alegre.

Fonte: GMB / Gaúcha