QUA 18 DE JULHO DE 2018 - 07:09hs.
Luiz Fernando Andrade, gerente geral

"O que a RCT mais espera é a legalização do jogo no Brasil"

A empresa da família Baungartner se apresentou na FADJA, a feira de jogos de Bogotá, com grande sucesso. Lá eles mostraram ao mercado a sua primeira máquina de rua certificada que levará aos colombianos plataforma e jogos altamente qualificados, como o tradicional 'Halloween'. Em conversa com o GMB, seu gerente geral, Luiz Fernando Andrade, falou sobre os novos produtos e o desejo de voltar a trabalhar no Brasil.

"O que a RCT mais espera é a legalização do jogo no Brasil"

Luiz Fernando Andrade, Gerente geral e Peterson Baungartner, Gerente administrativo - RCT Peru

Luiz Fernando Andrade, Gerente geral e Peterson Baungartner, Gerente administrativo - RCT Peru

A RCT Gaming, que começou no Brasil há mais de 20 anos e, que desde 2002, é referência no mercado da América Latina. Pouco depois que a Lei Zico foi aprovada no Brasil em 1993, a empresa começou a desenvolver jogos de bingo para o mercado local e foi uma das primeiras a instalar máquinas nos bingos dos Rio de Janeiro em 1995. Agora, com sede na Cidade do México, a RCT Gaming desenvolve software e hardware para bingo em vídeo, máquinas caça-níqueis e também oferece máquinas para venda ou aluguel.

Em 2005 a empresa iniciou atividades no Peru e três anos depois fez o mesmo na Colômbia. Em 2010, RCT iniciou atividades on-line no México e em 2015, finalmente abriu seus próprios escritórios no EUA. Atualmente, está presente em quase toda a América Latina, incluindo mercados como México, Guatemala, El Salvador, Costa Rica, Panamá, Peru, Chile e Paraguai.
 

GMB - Foi a sua primeira participação na FADJA ... que motivou você a participar da feira deste ano?
Luiz Fernando Andrade - Esta é a primeira vez que a RCT participa da feira. A Fadja é um evento muito importante para o setor, além de ser estrategicamente muito interessante para o futuro da RCT, a feira acontece em um país que busca ter um regulamento ainda mais ordenado a cada dia.

Conte-nos sobre sua parceria com a PMV e a Colômbia ... em que você se beneficia com este acordo?
A PMV é, sem dúvida, um parceiro estratégico da RCT. É uma empresa que está na Colômbia há muitos anos e tem muito potencial comercial no mercado. Para nós da RCT, o benefício é poder mostrar aos clientes colombianos nossa plataforma e nossos jogos altamente competitivos.

Como foi a apresentação ao mercado de sua primeira máquina certificada na Colômbia?
A apresentação da nossa máquina de rua foi justamente na Fadja 2018. Como você mencionou, somos a primeira máquina certificada para esse fim. Temos certeza de que superar a concorrência nos dará a chance de romper o mercado antes que outra empresa entre na modalidade. O sucesso na feira foi total, onde os clientes ficaram encantados com o modelo e muito satisfeitos em poder contar com este novo produto.

Quais jogos podem ser vistos na slot? O Halloween, um dos sucessos da RCT e do Brasil, pode ser jogado?
A RCT é uma empresa que teve a felicidade de desenvolver jogos que se tornaram clássicos ao longo do tempo. Sem dúvida, um deles é o Halloween, um jogo mundialmente famoso e muito bem-sucedido. Além do Halloween, também faz parte da versão multigame certificada os jogos: Samba, New Fruit, Reyes de Egipto e Country.

Onde os colombianos podem encontrar essas máquinas e desde quando?
O produto-chave da parceria entre a PMV e a RCT foi desenvolvido para a modalidade de máquinas de rua. O produto será distribuído pela empresa PMV SA. Então será para todo o país, onde o jogador colombiano poderá aproveitar todo o seu potencial de entretenimento.

Existem projetos futuros de crescimento da RCT no Peru e na Colômbia?
Sem dúvida, a Colômbia é um país que nos interessa muito, até porque tem uma lei muito organizada e estaremos sempre vigilantes no desenvolvimento de novas tecnologias para esse mercado. Sabemos que há uma grande demanda pelo jogo de pôquer e já estamos nos preparando para atender a essa demanda.

Que impressão levou da FADJA e que conclusões tira do status atual da indústria na América Latina?
A Fadja é uma feira de referência para o setor. Sem dúvida muitas empresas importantes da América Latina estão presentes na Colômbia e puderam desfrutar da apresentação de grandes marcas e novos produtos. A América Latina está se reestruturando no nível da regulação, cada país com suas características e com certeza é uma região muito importante para o setor. Além disso, a região é muito dinâmica, já que a diversidade de produtos proporciona essa característica.

Por último, deve continuar a ser o desejo da família que o Brasil legalize o jogo para que retornem ao seu país, certo?
O que mais esperamos é uma possível legalização do setor em nosso país. Sabemos como é importante para o Brasil ter jogos regulamentados. O país vem perdendo muitas receitas fiscais devido à atividade na clandestinidade. Estamos envidando todos os esforços para contribuir com informações importantes para apoiar a legalização do setor. Esperamos que num futuro muito próximo possamos ter algo concreto e definido para o assunto.

Fonte: Exclusive GMB