QUI 26 DE ABRIL DE 2018 - 23:52hs.
“Temos fé de que muito em breve estaremos trabalhando no Brasil”
Juan Delvalle, representante para América Latina da Aposta 365
“Temos fé de que muito em breve estaremos trabalhando no Brasil”

26/04/2018 | Operando atualmente no Paraguai, a Aposta 365 veio ao Brasil nesta semana participar do BgC, realizado entre 22 e 24 de Abril, em São Paulo. Juan Delvalle, representante da empresa na América Latina, conversou com o GMB sobre suas pretensões e expectativas para o Brasil ainda a espera de uma regulamentação. “Estamos contentes com o que escutamos e conversamos com as pessoas e vemos uma possibilidade muito grande de negócios no Brasil”, afirma Delvalle.

BGC reafirma necessidade de regulamentação do jogo no Brasil
OPINIÃO-CARLOS CARDAMA, DIRETOR GERAL DO GMB
BGC reafirma necessidade de regulamentação do jogo no Brasil

25/04/2018 | De maneira espetacular e com uma organização preciosa por parte da Clarion Gaming, terminou nesta terça-feira, em São Paulo, a quinta edição do Brazilian Gaming Congress, que mais uma vez deixa clara a necessidade de uma regulamentação séria e transparente dos jogos no Brasil.

"O jogador de hoje quer o mesmo de sempre, mas de uma maneira diferente"
BGC - Painel Ramificar
"O jogador de hoje quer o mesmo de sempre, mas de uma maneira diferente"

24/04/2018 | A ultima conferência do BgC 2018 foi dedicada ao estudo dos jogadores desde fatores como o que o público procura até os modelos de proteção contra jogos problemáticos. Participaram desse painel de encerramento Rui Magalhães, CEO do Estoril Sol Digital; Gustavo Barcha, Gerente de Desenvolvimento do Casino Iguazu; Celina Guedes, Gerente de Relações Internacionais da Sun Dreams; Francesco Rodano, Chefe de Política da Playtech e Pierre Tournier, Diretor de Relações Internacionais da RGA.

“O esporte eletrônico atinge os millenials porque é jovem, global, digital e diversificado"
BGC - Novas tendências em jogos
“O esporte eletrônico atinge os millenials porque é jovem, global, digital e diversificado"

24/04/2018 | Para discutir as novas tendências do setor, o painel contou com Tiago Almeida, CEO da Egaming Services, Francisco Caamaño, COO da Sortis & Golden Lion Casino, Roberto Brasil Fernandes, advogado da Able, Daniel Cossi, da Confederação Brasileira de Esportes Eletrônicos, Raiff Chaves, fundador da eBrainz, e Vicens Marti, presidente da Tangelo Games, e Daniel Xavier, da Pipa Studios.

“Imposto alto derruba a competitividade e afasta investidores“
BGC - Impacto social e econômico na tributação
“Imposto alto derruba a competitividade e afasta investidores“

24/04/2018 | Como já era de se esperar, o tema da tributação do setor de jogos atraiu a atenção de muitos dos presentes no BGC. Participaram do painel Michael Pollock, diretor do Conselho Nacional de Legisladores Estaduais de Jogos, William P. Coley, II, senador americano pelo estado de Ohio, Francisco Javier Vidal Caamaño, COO da Sortis & Golden Lion Casino, e o consultor de jogos Federico Lannes, José Luiz Brazuna, do Conselho Municipal de Tributos da cidade de São Paulo.

“Uma agência reguladora é fundamental para a transparência do esporte"
BGC - Apostas e integridade esportiva
“Uma agência reguladora é fundamental para a transparência do esporte"

24/04/2018 | Para falar sobre apostas esportivas e integridade esportiva, Igor Federal convidou Ricardo Magri, diretor de desenvolvimento de negócios da Sportradar, e Robson Silveira, diretor de marketing e comercial da Federação Paulista de Futebol. Ao unir duas personalidades em posições complementares, ficou claro o quanto o setor pode ser beneficiar de um setor bem regulado.

“Ou o Brasil legaliza o jogo ou ele irá migrar para estruturas criminosas”
BGC - Debate do mercado
“Ou o Brasil legaliza o jogo ou ele irá migrar para estruturas criminosas”

24/04/2018 | O início do segundo dia do BGC contou com um fantástico debate sobre maneiras de atrair investimentos para um setor de jogos regulamentado no Brasil, que contou com moderação de Igor Federal Trafane, CEO do BSOP, Régis de Oliveira, ex-deputado e defensor da regulamentação do jogo, Magnho José, presidente do IJL e Bruno Omori, presidente da ABIH.

“O jogo responsável deve ser encarado como uma questão social”
BgC 2018 – Ramificar: Regulação e Operação
“O jogo responsável deve ser encarado como uma questão social”

23/04/2018 | Encerrando o primeiro dia de palestra do BgC 2018, Nelson Romanini Neto, fundador da We Content, falou sobre a Publicidade Responsável do Jogo apontando como deverá ser regulamentada a área de divulgação dos jogos no Brasil e afirmando que o jogo responsável deve ser tratado como uma questão social e de proteção a população.

Bitcoin e publicidade foram temas centrais no painel de encerramento do primeiro dia
BGC 2018 - Regulação e operação
Bitcoin e publicidade foram temas centrais no painel de encerramento do primeiro dia

23/04/2018 | O último painel deste primeiro dia do BGC contou com um interessante painel sobre regulação e operação, em que participaram Paulo Duarte Lopes, diretor de Planejamento e Controle de Jogos de Portugal, Daniel Cossi, presidente da Confederação Brasileira de Esportes Eletrônicos/Pamesco/Wesco, Peter Naessens, diretor da Belgian Gaming Comission, e Thierry Pujol, Hall of Fame da Indústria de Loterias.

“A regulamentação passa por independência e capacidade técnica”
BGC 2018 - Mais regulação
“A regulamentação passa por independência e capacidade técnica”

23/04/2018 | No segundo painel sobre regulação, reuniram-se Paulo Duarte Lopes, diretor de Planejamento e Controle de Jogos de Portugal, Fábio Ferreira Kujawski, sócio do escritório Mattos Filho Advogados, Robinson Fernandes, presidente do Instituto dos Profissionais de Prevenção à Lavagem de Dinheiro – IPLD, Pedro Cortés, sócio da Rato, Ling, Lei & Cortés Advogados, e Camillo Millon, da Fecoljuegos.

VER MÁS