SÁB 18 DE AGOSTO DE 2018 - 00:08hs.
Novas medidas

Comissão de Jogos da Colômbia reduz a burocracia para operadores

O governo anunciou novas medidas destinadas a reduzir a papelada para os novos operadores da indústria do jogo no país, que fazem parte de uma estratégia governamental mais ampla que busca facilitar a vida das empresas colombianas.

As medidas aplicáveis ​​aos jogos foram apresentadas na segunda-feira pela ministra de Comércio Indústria e Turismo, Maria Lorena Gutierrez, pelo ministro das Finanças e Crédito Público, Mauricio Cárdenas Santamaría, e pelo presidente do regulador do jogo, Coljuegos, Juan B. Pérez Hidalgo.

De acordo com Hidalgo, a Coljuegos colocou em prática três estratégias principais, que eliminaram, simplificaram e sistematizaram formalidades para o setor de jogos. Na conferência de imprensa, ele disse que o fortalecimento da instituição, a modernização dos sistemas de informação, bem como o aprimoramento do atendimento ao cliente e o suporte durante os procedimentos de licenciamento permitiram que a Coljuegos reduzisse significativamente o tempo necessário para que as operadoras recebessem uma licença.

"Para facilitar a vida dos empresários no setor de jogos, conseguimos reduções consideráveis ​​nos procedimentos. Em 2015, o tempo de resposta, em média, para os operadores de cassino e bingo foi de 68 dias. No ano de 2017, terminamos com um prazo de dezenove dias de resposta. E esperamos que este ano seja quinze dias ", disse Hidalgo.

O presidente da Coljuegos enfatizou que, para atingir os seus objetivos, criou uma equipe de Gerenciamento de Relacionamento Comercial, que ajuda principalmente os operadores terrestres quando se trata de solicitar uma licença garantindo que os requisitos mínimos sejam cumpridos e os erros sejam evitados ao preencher formulários.

O ministro das Finanças enfatizou que a Coljuegos também conseguiu reduzir consideravelmente a burocracia para empresas que realizam campanhas promocionais via rifas e outras competições em até metade.

Hidalgo enfatizou que "a Coljuegos atualmente possui 400 contratos de concessão, dos quais cerca de 1.000 transações são realizadas anualmente, como adições, transferências, remoções de máquinas etc. Todos esses procedimentos podem ser feitos on-line, com melhores tempos de resposta, rastreabilidade e transparência".

Hidalgo disse que um maior nível de eficiência também foi aplicado ao setor online, já que a concessão de licenças on-line agora é automatizada on-line através do site da Coljuegos. "Esta redução nos procedimentos permitiu que a Coljuegos assinasse sete licenças para operar jogos online na Colômbia. Este ano, esperamos chegar a vinte operadores autorizados (on-line)", disse ele.

Source: GMB / G3 Newswire