SÁB 20 DE OUTUBRO DE 2018 - 04:48hs.
Francaise des Jeux

França está pronta para a privatização da operadora nacional de loteria

O governo francês está preparado para iniciar os preparativos para o desinvestimento da operadora de loteria nacional do país, a Francaise des Jeux, bem como da operadora de aeroportos, a Aeroports de Paris SA (ADP) e da fornecedora de energia, Engie SA. A entidade lotérica é 72% do estado. As privatizações não podem começar antes do governo aprovar uma lei especial sobre o assunto.

A venda das três empresas deve gerar 15 bilhões de euros para o estado. O dinheiro será usado para montar e aumentar um fundo governamental para inovação e investimento em vários projetos industriais. O estabelecimento do fundo de inovação foi parte das promessas eleitorais do presidente francês Emanuel Macron.

A privatização da Francaise des Jeux e das outras duas empresas não pode começar antes de o governo aprovar uma lei especial sobre o assunto. Em relação à operadora de loteria, que não está listada, sua privatização exigirá a criação de um novo órgão regulador que supervisionará o desinvestimento, bem como as operações de loteria realizadas na França após a privatização.

A peça legislativa foi apresentada ao governo na segunda-feira. No entanto, não será será revisado e votado antes do final das férias de verão.

A Francaise des Jeux registrou um desempenho particularmente forte e aumentou as vendas nos últimos anos. As vendas totalizaram €15,1 bilhões no ano passado, um aumento de 5,7% em relação a 2016, para confirmar a saúde da operadora antes da inevitável privatização.

A entidade estatal vende raspadinhas e outros produtos de loteria e também executa operações de loteria e apostas online. As raspadinhas geraram vendas de € 7,4 bilhões no ano passado, um aumento de 8% em relação ao ano anterior. Outros produtos da loteria adicionaram € 5,2 bilhões ao total, representando um aumento de 5,2% em relação ao ano anterior. As apostas esportivas contribuíram com o montante de € 2,5 bilhões no ano passado, um aumento de 0,3%.

A Francaise des Jeux é a segunda maior operadora de loteria da Europa, com a Lottomatica da Itália sendo a única à sua frente. Acredita-se que o estado venderia cerca de 50% da operadora de loteria para reduzir sua participação para apenas 22%.

Fonte: GMB / Casino News Daily