SÁB 18 DE AGOSTO DE 2018 - 19:23hs.
Kansspelautoriteit

Regulador holandês acompanha de perto apostas na Copa do Mundo

O regulador de apostas da Holanda, Kansspelautoriteit (KSA), vai ficar de olho nas atividades de jogos de azar antes e durante a Copa do Mundo, para garantir que as operadoras não atraiam menores para jogar. A lei só autoriza a Toto, parte da Loteria Holandesa, a oferecer apostas sobre os resultados de competições esportivas.

De acordo com a lei holandesa de jogos de azar, os menores não podem participar de nenhum jogo de azar, como apostas em competições esportivas. As operadoras de apostas esportivas online que não são licenciadas na Holanda não podem oferecer jogos de azar aos consumidores holandeses.

A lei só autoriza a Toto, que faz parte da Loteria Holandesa, a oferecer apostas sobre os resultados de competições esportivas. Antecipando o surgimento de apostas online feitas durante a Copa do Mundo, a Kansspelautoriteit alertou que os operadores de jogos de azar que não sejam licenciados e que tenham como alvo os consumidores nacionais holandeses receberão uma multa pesada.

A Kansspelautoriteit também está se movendo para proteger os menores dos jogos de azar, visando propagandas de apostas. O regulador holandês disse que eles estarão impondo multas contra os anunciantes de apostas que violem a lei.

"A Autoridade de Jogos atua contra os provedores de jogos ilegais porque não há controle sobre a justiça do jogo, a detecção do vício em jogos de azar e a participação de grupos vulneráveis, como menores", disse o regulador holandês em um comunicado.

Reguladores de jogos e autoridades locais em todo o mundo estão se preparando para o aumento nas atividades de apostas durante a Copa do Mundo.

Os analistas de jogos prevêem que as apostas ilegais em todo o mundo possam superar o recorde anterior durante a Copa do Mundo de 2014 no Brasil, devido à proximidade da Rússia e seus fusos horários com países da região da Ásia.

Fonte: GMB / Calvin Ayre