QUI 20 DE SETEMBRO DE 2018 - 22:10hs.
Na região de Pinheiros, em São Paulo

Neymar volta a jogar poker no H2Club na companhia de jogadores do Palmeiras

Na semana passada o Blog Montanha de Cartas mostrou a participação de Neymar no torneio High Roller, do H2Club. E parece que o craque do PSG e da seleção brasileiro gostou mesmo do ambiente do clube, tanto que voltou a disputar a competição. No entanto, dessa vez, a estrela teve a companhia de Lucas Lima e Moises.

A terça-feira foi de muito futebol. Na Europa o Brasil venceu a Alemanha por 1 a 0, enquanto no Pacaembu, o Palmeiras garantiu a classificação para a final do Paulistão após bater o Santos nos pênaltis. Logo após a sofrida vitória do Verdão, Lucas Lima e Moises foram jogar poker no H2Club e encontrar Neymar.

Moises é figurinha carimbada nos eventos de poker. Participa sempre que possível do BSOP e do Circuito Unique Poker Lounge, tendo conseguido alguns resultados expressivos nas mesas. Já Lucas Lima ainda está começando no mais nobre jogo de baralho. Os dois escolheram sem dúvida um bom lugar para comemorar a vaga nas finais do campeonato paulista.

O High Roller do H2Club dessa terça feira teve 103 entradas e 64 rebuys. O buy in costumeiramente é de R$ 1.150,00 para 25.000 fichas, com os blinds aumentando a cada 25 minutos. Neymar não entrou na zona de premiação do torneio, mas teve um bom desempenho.

O field da competição é repleto de profissionais do poker e a mesa de Neymar não foi diferente. Além do parça dele, Gil Cebola, o craque teve que encarar Fernando Grow, campeão brasileiro de poker em 2013 e Paulo Gini, um dos melhores jogadores do Brasil na atualidade, constante na disputa do ranking nacional.

Neymar foi eliminado quando o torneio estava com 3 mesas, ou seja, com menos de 27 jogadores. Possuindo cerca de 160 mil fichas, que naquele momento eram 16 blinds, ele shovou all in após raisedo jogador Thiago. Com mais fichas o adversário deu call e as cartas foram reveladas: AK de espadas para Neymar e par de dez para Thiago. Um dez no turn colocou fim na jornada do craque.

O título do High Roller ficou com Rodrigo Navarro. Com mais fichas ele dividiu a premiação com o segundo colocado, Paulo Capretti. Coube a Raphael Costa o terceiro lugar. A premiação total do torneio ficou em R$ 163.000,00.

Se recuperando no Brasil de uma lesão no pé direito, Neymar divide o tempo entre a fisioterapia e o poker. Já organizou torneios no Guaruja e na mansão em Mangaratiba, no Rio de Janeiro, onde passa a maior parte do tempo. Constantemente ele também pública fotos nas redes sociais jogando online.

O jogo de poker é extremamente técnico e competitivo, por isso, nada mais justo que esportistas se apaixonem por ele. Exemplos de atletas que se dedicam ao jogo com entusiasmo não faltam, Neymar é só mais um e levanta a bandeira desse esporte da mente com maestria. Enquanto ele estiver no Brasil a presença dele em clubes de poker tende a ser frequente. Qualquer um que for disputar um torneio nos próximos dias pode encontrar o craque por aí. Ele está querendo jogo.

Fonte: GMB / BLOG DO MONTANHA - GAZETA ESPORTIVA