SÁB 21 DE OUTUBRO DE 2017 - 13:47hs.
Segundo seu presidente Yojiro Kamihigashi

JCM vê novos mercados para lançamento de produtos

A Japan Cash Machine Co Ltd (JCM), também conhecida como JCM Global, tem como objetivo impulsionar a participação de mercado nos mercados onde já opera e se expandir para novos mercados, afirmou o presidente do grupo, Yojiro Kamihigashi.

A JCM, uma empresa listada na Bolsa de Valores de Tóquio, é fornecedora de tecnologia de manuseio de dinheiro e impressoras de ingressos, incluindo equipamentos para o mercado global de jogos.

"Durante o atual ano fiscal, trabalhamos para aprimorar o desempenho da JCM e superar os desafios enfrentados por cada um de nossos negócios, enquanto buscamos nossos dois principais objetivos de manter ou aumentar as ações de mercado detidas pelos negócios do grupo e acelerar o crescimento de novos negócios", afirmou Kamihigashi no relatório anual da empresa que foi publicado na semana passada.

A JCM registrou vendas líquidas de aproximadamente 30,23 bilhões de JPY (US$ 268,5 milhões) no ano fiscal encerrado em 31 de março, um aumento de 1,6% ano-a-ano. A receita de vendas no seguimento de jogos representou 54,1% da receita total no período, em 16,35 bilhões JPY.

"Durante o ano fiscal em análise, as condições foram misturadas nos mercados em que o grupo JCM opera, nomeadamente o mercado de jogos, o mercado de equipamentos de diversão, bem como os mercados bancário, de varejo e de transporte", afirmou o presidente da empresa.
 
Ele acrescentou: "No entanto, o grupo realizou com sucesso estratégias de crescimento adaptadas a cada um desses mercados, oferecendo soluções baseadas em sistemas e ampliando as linhas de produtos, entre outras iniciativas".

A empresa registrou lucro líquido de 1,01 bilhões JPY no último ano fiscal, ante os US$ 358 milhões no ano anterior.

No relatório anual, Sr. Kamihigashi disse que a empresa "tem apenas um potencial limitado de crescimento" nos mercados de equipamentos de jogos e diversão.

"Persistem oportunidades para o crescimento do mercado em países e regiões ao redor do mundo. No Japão, por exemplo, existem planos para a construção de novos resorts integrados que incluem cassinos", observou o executivo.

A Lei de Implementação de IR (Integrated Resorts) do Japão provavelmente será adiada até pelo menos a primavera do próximo ano devido às eleições instantâneas do Japão neste mês.

O presidente da JCM disse que a empresa se concentraria no investimento "destinado a liberar novos produtos e cultivar novos mercados".
 
"À medida que a atividade econômica continua a se desenvolver e crescer rapidamente nos países emergentes, especialmente na Ásia, esperamos que a demanda pelos produtos do grupo continue aumentando nesses mercados", acrescentou Kamihigashi.
 
Fonte: GMB/ GGR Asia