QUA 23 DE MAIO DE 2018 - 11:54hs.
Liquidez compartilhada

Itália e Portugal estão próximos de se juntar à França e Espanha no poker online

Em julho de 2017, Espanha, França, Itália e Portugal assinaram um acordo para que os quatro países compartilhassem a liquidez dos jogos online. Com isso, os jogadores dos quatro países conseguiriam se enfrentar nos feltros online.

Após a assinatura do acordo, a França foi o primeiro país a estar apita ao acordo e há exatamente duas semanas, a Espanha também alterou trechos da regulamentação e logo em seguida, o PokerStars já anunciava o compartilhamento dos dois países.

Mesmo após o fechamento da decisão, Itália e Portugal não haviam avançado com suas regulamentações e o projeto de unir os quatro países parecia distante. Parecia, mas após declarações do subsecretário de Estado do Ministério das Finanças da Itália, Pier Paolo Baretta, e a proposta orçamentária do governo português, o mundo do poker se animou com possíveis mudanças, principalmente os jogadores de ambos os países.

O representante do governo italiano fez a seguinte declaração em um evento público. “O governo iniciou um procedimento de verificação, no que diz respeito à liquidez compartilhada, que ainda está em andamento. Existe um acordo internacional e ele será respeitado”. Depois, Baretta completou. “Quando tivermos resultados dessa verificação, nós os comunicaremos e depois tomaremos uma decisão”.

Outro ponto que retrata o avanço nas leis de liquidez italiana foi o governo ter adiado até agora um novo processo de inscrição para as licenças de operador online. O prazo é até o dia 19 de março, o que significa que a liquidez compartilhada pode entrar em vigor até o processo estar completo.

Já em Portugal, a demora aconteceu devido aos atrasos das instituições que estavam trabalhando nesse processo. No entanto, após a proposta orçamentária de 2018 ser votada, incluiu que os operadores de jogos online podiam compartilhar a sua liquidez. Até o momento, 11 licenças de jogo já foram emitidas para sete operadores, dentre eles, o único licenciado para o poker online é o PokerStars.

Charles Coppolani, presidente da ARJEL, órgão regulador francês, se mostrou muito esperançoso em uma entrevista a uma rádio de Portugal e disse que a regulamentação no país está nos últimos detalhes.

O CEOO do Grou Stars Interactive, Guy Templer, ofereceu todo o suporte para que os países se juntem a Espanha e França. “Estamos ansiosos para expandir o grupo de jogadores franceses e espanhóis para os italianos e portugueses. Estamos oferecendo todo nosso apoio às autoridades competentes para que isso seja feito”.

A partir do dia 28 de janeiro, os jogadores franceses e espanhóis participarão da primeira série após o compartilhamento da liquidez, chamada FRESH (França Espanha Hold’em), que terá € 5 milhões garantidos.

Fonte: GMB / Superpoker